html website generator software

A Banda

Fernando Comprido |  Lulu Martins |  Marco BomBom |  Marcus Rey

LUIZ FERNANDO COMPRIDO
(Guitarrista e Produtor)


Membro fundador, junto com Ed Motta, da banda Conexão Japeri, em suas 3 formações, sendo co-autor da música Baixo Rio.
Tocou / gravou com Conexão Japeri, Ed Motta (incluindo duas turnês internacionais e o Rock In Rio de 2011), Fernanda Abreu, Ebony Vox, As Sublimes, Lady Zu, Beto Saroldi, Paulo Zdan, Gerson King Combo, e mais diversas bandas de Black Music e de Baile. Faz parte da The Birinaite Experience, banda de Classic Rock, juntamente com o mestre Paulinho Guitarra. Atualmente acompanha a cantora Mariana King & The King’s Band e outros projetos.

LULU MARTIN
(Piano, Produtor e Arranjador)

Participação em projetos Pixinguinha, da Funarte:
Artistas: Carmen Costa e Wanderlei Cardoso, artista convidado: Teresa Tinoco
Artistas: Luis Melodia e Zezé Motta, artista convidado: Raul de Barros
Artistas: Marcio Montarroyos e Jane Duboc, artista convidado: Beto Barbosa
Artistas: Tânia Alves e Toni Costa, artista convidado: Banda Sorte
Artistas: Marcio Montarroyos e grupo Azymuth, artista convidado: Marcos Resende.

Participações em gravações de discos e em shows de cantores:
Zezé Motta, Luiz Melodia, Ed Motta, Lulu Santos, Joanna, Tim Maia, Jards Macalé, Moreira da Silva, Alcione, Taryn Szpilman, Cassiano, Ney Matogrosso, Angela Roro, Otavio Bonfá, Orquestra Tabajara, Ithamara Koorax, Tunai e Ednardo, entre outros. Integrou como artista da WEA, o Grupo Heróis da Resistência com os discos “Heróis da Resistência” e “Relígio” (produzido e gravado em Los Angeles, USA)

Participações em grupos de música instrumental:
Marcio Montarroyos, Grupo Garage, Leo Gandelman, Serginho Trombone, Maharaj Purushatraya Swami, Cláudio Infante, Cássio Tucunduva, Rio Jazz Orchestra, Alfredo Dias Gomes, Ricardo Silveira, Nico Assumpção, Wilson Meirelles.

Composição:
Trilhas para peças infantis: Daniel Azulay vídeos - Chapeuzinho Vermelho, Bola Mania Leão Leibowitts - CDs de estórias infantis.
Trilhas para produções de audiovisual: Editora SongBirdTracks
Criação de fonogramas publicitários: Studio Nova Onda; Som e Imagem Ltda.

Publicação:
É autor do livro “O Som dos Acordes”, lançado pela “Gryphus Editora” em 2014.
Atua no mercado profissional da música como instrumentista e professor.

Marco BomBom
(Baixista, Produtor e Arranjador)


Baixista Marco Bombom é um dos pilares da Soul Music brasileira. Excelente baixista, começou na música aos 12 anos, tocando guitarra. Em 1987 deu o primeiro passo no mercado fonográfico com a famosa banda de reggae - ska, Kongo. A partir de 1988, grava os discos da banda que foi marcante na Soul Music brasileira, a Conexão Japeri. Os grooves de Bombom na banda Conexão Japeri, são hoje aulas para novos músicos de bom gosto. Nos discos "Contrato com Deus" e "Entre e Ouça", Bombom deixou registrado sua musicalidade e suas levadas fantásticas. Este último disco se tornou um trabalho musical cult e é garimpado até os dias de hoje. Como produtor, Bombom também Produziu o show da cantora da bossa nova, Leila Pinheiro. Marco Bombom é dono de um Home Studio, onde grava produções para audiovisual, jingles e novos artistas.

MARCUS REY
(Arranjador e Produtor)

Músico – baterista autodidata, começou a tocar bateria aos 14 anos e iniciou a carreira aos 19 anos.

TRABALHOS, PARTICIPAÇÕES E PREMIAÇÕES
Como baterista, integrou a Banda Fantasmas, junto aos músicos Gito Sales, André Gatti, Karina Hoffter e Emerson Mardhine . Com o grupo lançaram o CD "Fantasmas” (BMG/Ariola, 1990), que participou da trilha sonora da novela “Mulheres de Areia” (TV Globo), com a música "Ovelha negra" (Rita Lee). O vinil da novela vendeu 250 mil, conquistando o “Duplo de Platina”.
Também com a Banda Fantasmas conquistaram o "6° Prêmio Sharp de Música", na categoria "Melhor grupo de música popular".
Participou do Grupo Deita e Rola, fundado em 1994, cuja marca registrada eram as letras bem-humoradas, que conquistou em 1995 o Disco de Ouro.
Integrou também a Banda de MPB Fino Coletivo, fundada em 2005, no Rio de Janeiro, junto com Wando, Alvinho Cabral, Marcelo Frota. Em 2007, o álbum Fino Coletivo rendeu a banda o cobiçado prêmio da Associação Paulista de Críticos de Arte na categoria Música Popular - Grupo Revelação, e também o 6º Prêmio Rival Petrobras de Música também na categoria revelação. 

Depois de quase duas décadas, o músico volta aos palcos com Gito Sales, onde certamente irão acontecer momentos de magnífica sintonia, com muito “groove” e sucesso.

A Banda